Skip links

 O Restaurante Trem da Serra nasceu do sonho de José Renato Brandão Bravo e de sua esposa Maria do Carmo Peixoto Bravo, de viver da suinocultura e da agricultura familiar.

Ele vindo de Cambuci, no Rio de Janeiro, e ela de Bonfinópolis, Minas Gerais, pretendiam trabalhar e viver da mesma forma que seus pais e avós. Em 1970, iniciaram sua jornada com a Granja Nova Cambuci, localizada no Núcleo Rural de Sobradinho II e distante 30 quilômetros da Praça dos Três Poderes, em Brasília.

Ao tentar realizar seus sonhos, “seu” Bravo e “dona” Carminha, como são conhecidos, “abriram a porteira” para uma atividade que até então não fazia parte dos seus planos. A falta de estrutura para o abate e para a comercialização dos animais obrigou o casal a improvisar e, a partir daí, surgiram idéias criativas e funcionais.

Tentar mostrar aos clientes a forma como o homem do campo trabalha e que o alimento que ele consome é de boa qualidade era, a princípio, uma maneira de manter a fidelidade dos fregueses que poderiam verificar a procedência do alimento. A idéia funcionou e, em 1994, o casal descobriu que poderia utilizar a propriedade para outras atividades, aumentar a renda familiar e resgatar costumes trabalhando com o turismo rural.

A Granja Nova Cambuci era então a primeira propriedade rural a receber turistas em suas atividades no Distrito Federal. Foram muitas dificuldades mas em 1995 oTrem da Serra abriu as portas e já tem em seu currículo vários prêmios nacionais e internacionais que certificam o bom atendimento, a originalidade e a qualidade de sua cozinha.

Hoje a Granja Nova Cambuci não está em atividade e não se encontra mais aberta ao público, devido a questões ambientais fomos obrigados a encerrar as atividades de criação de animais de corte e o abate tradicional. Contudo, os insumos utilizados na cozinha do Trem da Serra vêm dos pequenos produtores que ainda existem na região. Mais do que uma forma de manter a originalidade, qualidade e segurança do alimento que servimos, sem venenos e hormônios imbutidos, também exercemos um papel social, estimulando a geração de empregos no campo.

Venha ver de perto nossas porteiras e passear pela nostalgia do gostinho de comida de vó!